EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Cães foram as estrelas da Sinfonia da Caça de Mozart

Cães foram as estrelas de sinfonia de Mozart na Dinamarca
Cães foram as estrelas de sinfonia de Mozart na Dinamarca Direitos de autor Credit: AFP/Canva
Direitos de autor Credit: AFP/Canva
De  Theo FarrantAFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

Três superestrelas peludas juntaram-se à Orquestra de Câmara Dinamarquesa para uma atuação muito especial da "Sinfonia da Caça" de Mozart no Festival Haydn deste ano.

PUBLICIDADE

Num mundo em que a música clássica se mantém normalmente fiel à tradição, a Orquestra de Câmara Dinamarquesa optou por um toque de inovação ao atuar com três cães no Festival Haydn deste ano.

Cookie, Sophus e Sica - três cães excecionalmente talentosos, cuidadosamente selecionados para atuar com a Orquestra de Câmara Dinamarquesa numa interpretação pouco convencional da "Sinfonia da Caça", uma peça composta por Leopold Mozart, o pai de Wolfgang Amadeus Mozart.

A peça é uma joia rara no mundo clássico, na qual os cães têm um papel de solista proeminente e importante. Historicamente, as suas contribuições têm-se limitado a meras gravações. Isto é, até agora.

Credit: AFP
O cão Cookie em palco com a Orquestra de Câmara DinamarquesaCredit: AFP

No ensaio, os cães ouviram tranquilamente a primeira parte da peça antes de assumirem confiantemente as suas posições em frente à orquestra para interpretarem a sua parte.

"Se eu tivesse de estar lá sozinha, acho que ficaria nervosa, mas todas as atenções estão viradas para ela (Cookie), ela é a estrela. Eu estou apenas atrás dela com as guloseimas", diz Helle Lauvring, a dona de Cookie e tutora do cão de água espanhol de quatro anos.

Editor de vídeo • Theo Farrant

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia: corrida contra o tempo para salvar cães vadios da eutanásia

Pára, colabora e vota! Spotify está a encorajar os cidadãos a votar nas eleições europeias

Cannes 2024: 'Anora', uma 'Pretty Woman' do século XXI