Breves de Bruxelas: Schulz na corrida, novo revés para o Brexit

Breves de Bruxelas: Schulz na corrida, novo revés para o Brexit
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Martin Schulz vai disputar as eleições legislativas alemãs, depois de ter deixado o cargo de presidente do Parlamento Europeu e este é o terma de abertura das "Breves de Bruxelas".

PUBLICIDADE

Martin Schulz está pronto a voltar ao centro do palco político, depois de ter deixado o cargo de presidente do Parlamento Europeu, na semana passada.

O eurodeputado alemão regressou a casa, onde vai desafiar Angela Merkel, em setembro, nas eleições legislativas alemãs.

O atual líder do partido social-democrata alemão, Sigmar Gabriel, decidiu não entrar na corrida, dando lugar a Schulz.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária falamos, também, do Brexit, que sofreu novo golpe.

O Supremo Tribunal do Reino Unido disse que o governo não pode iniciar o processo de saída da União Europeia sem consultar o Parlamento do país.

Para terminar, recordamos que uma região da Bélgica quase pôs fim ao acordo de comércio livre entre a União Europeia e o Canadá, conhecido por CETA.

A região belga da Valónia queria maior proteção para trabalhadores e consumidores e obteve importantes concessões. O tratado entrou em vigor de forma provisória e segue o caminho de ratificação no Parlamento Europeu.

A comissão parlamentar de Comércio votou a favor, ontem, e o plenário dos eurodeputados fechará a votação do CETA, em fevereiro.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Von der Leyen não quer trabalhar com "amigos de Putin" no Parlamento Europeu

Famílias pedem ajuda da UE para libertar reféns face iminente operação em Rafah

UE chegou a acordo sobre 13.º pacote de sanções contra a Rússia