Doping pode afastar atletismo da Rússia dos próximos Jogos Olímpicos

Doping pode afastar atletismo da Rússia dos próximos Jogos Olímpicos
De  Ricardo Figueira com Reuters
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O alegado esquema de dopagem organizada pode vir a revelar-se o maior escândalo desportivo dos últimos anos.

PUBLICIDADE

A equipa de atletismo da Rússia pode ver-se excluída dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no próximo ano, se se confirmar o megaescândalo de doping organizado.

A confirmar-se, este é o maior caso de doping patrocinado por um Estado desde a rede sistemática de dopagem de mulheres da antiga RDA.

O ministro russo do desporto, Vitaly Mutko, defende-se das acusações: “O doping não é só um problema da Rússia, a Rússia não pode ser isolada. Este é um problema mundial. Todos os países combatem este flagelo, nós também o fazemos e vamos continuar a fazer. Criámos um sistema sério de luta antidoping. Todos os anos, há cerca de dois por cento de atletas desqualificados, tal como acontece noutros países”.

Segundo a investigação da Agência Mundial Antidopagem
, foi a própria agência anti-doping russa a destruir várias amostras de sangue e urina, de vários atletas, na véspera da chegada a Moscovo dos inspetores internacionais.

Além da justiça desportiva, o caso está também nas mãos da Interpol e de uma investigação internacional liderada por um magistrado francês.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Doping": Comissão da AMA recomenda suspensão da Federação Russa de Atletismo

Relógios de luxo batem recordes na feira Watches and Wonders em Genebra

Salão Automóvel de Genebra está de volta