EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Paris festeja a vitória de Emmanuel Macron

Paris festeja a vitória de Emmanuel Macron
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A festa começou assim que saíram as primeiras sondagens à boca das urnas.

PUBLICIDADE

A festa começou assim que saíram as primeiras sondagens à boca das urnas.

Canadian Prime Minister Justin Trudeau calls Emmanuel Macron to congratulate him on winning French election election.https://t.co/4Y6R79JgK0pic.twitter.com/FyQCwuWSYH

— AFP news agency (@AFP) May 8, 2017

Os apoiantes de Emmanuel Macron respiraram de alívio. A França continua como o coração da Europa. A extrema-direita foi derrotada.

Uma das apoiantes do recém-eleito presidente sublinha que esta “é uma boa festa porque ganhámos com mais de 65%. Então, isso mostra que os franceses querem uma renovação e que não será através dos extremos. É uma grande vitória para nós. Partimos do nada, há um ano, e agora fomos bem-sucedidos”.

Na mesma festa, um francês festeja a vitória do líder do movimento En Marche! mas afirma que votou para travar a extrema-direita: “votei Macron na segunda volta, não na primeira volta, para combater Marine Le Pen, mas estou à espera para ver o que vai fazer este senhor, porque não tenho nenhuma confiança… Na primeira volta votei Benoît Hamon e continuaria a apoiar Benoît Hamon. Continuaria fiel ao Partido Socialista.”

Emmanuel Macron agradeceu aos “concidadãos” e prometeu trabalhar para que o seu movimento “En Marche! consiga, no escrutínio de junho, conquistar a maioria dos assentos no Parlamento.

Canadian Prime Minister Justin Trudeau calls Emmanuel Macron to congratulate him on winning French election election.https://t.co/4Y6R79JgK0pic.twitter.com/FyQCwuWSYH

— AFP news agency (@AFP) May 8, 2017

No primeiro discurso como presidente, perante os apoiantes, Emmanuel Macron apresentou-se como um unificador. Foi um apelo a todos os franceses que votaram nele, que aderiram ao seu projeto e se opuseram à Frente Nacional. O objetivo agora é converter a sua vitória presidencial numa vitória legislativa.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Presidente da Câmara de Paris nada nas águas do rio Sena

Presidente da Câmara de Paris nada nas águas do Sena

Presidente da Câmara de Paris nada no Sena para demonstrar limpeza do rio