EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Paul Kagame a caminho do terceiro mandato

Paul Kagame a caminho do terceiro mandato
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O atual chefe de Estado deve ser reeleito. Em 2010 foi reconduzido com 93% dos votos.

PUBLICIDADE

Missão impossível para Frank Habineza.

O líder do Partido Verde Democrático do Ruanda é o real opositor do atual presidente Paul Kagame, no escrutínio presidencial que se realiza esta sexta-feira.

It’s Election Day in #Rwanda as close to 7 Million voters go to 2,340 polling sites to determine the country’s future. #RwandaDecides

— Government of Rwanda (@RwandaGov) August 4, 2017

O atual chefe de Estado deve ser reeleito. Em 2010 foi reconduzido com 93% dos votos.

Frank Habineza, em 2015 opôs-se ao referendo para alterar a Constituição que permitiu a Kagame recandidatar-se a um terceiro mandato e manter o poder até 2034.

O presidente, de 59 anos, reclamou já a vitória.

Paul Kagame assumiu a presidência desde que os rebeldes da Frente Patriótica do Ruanda tomaram a capital, Kigali, em 1994, terminando com um genocídio que custou a vida a mais de 800 mil hutus e tutsis.

O atual chefe de Estado liderou a recuperação e levou a economia do país a crescer 6,8% ao ano. Kagame enfrenta, também, algumas críticas. Num relatório publicado em julho, a Amnistia Internacional refere que está instalado um “clima de medo”, no país.

“You have to glorify the system or leave it. But you cannot criticise it.” This is Paul Kagame’s Rwanda pic.twitter.com/W9tqjBsj4r

— The Economist (@TheEconomist) August 1, 2017

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Nigel Farage ultrapassou pela primeira vez partido do primeiro-ministro Rishi Sunak

Modi reivindica vitória nas eleições gerais da Índia

Primeiro-ministro Modi perto da vitória nas eleições da Índia