Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Destruição e morte em Porto Rico

Destruição e morte em Porto Rico
Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos quinze mortos e um rasto de destruição é o resultado da passagem do furacão “Maria” por Porto Rico. Em alguns bairros, como o de Juana Matos, no município de Catano, 80 por cento das casas terão sido destruídas ou ficado danificadas. Os ventos atingiram os 249 km/hora. Muitos porto-riquenhos temeram pela sua vida.

Cerca de 3 milhões e quatrocentas mil pessoas no país ficaram sem eletricidade e comunicações. As estradas inundadas fazem lembrar, a alguns, a cidade italiana de Veneza e os seus canais.

Na República Dominicana, país também atingido por esta intempérie que chegou a uma categoria 4, numa escala de 5, também muitos habitantes perderam tudo.

À Dominica, onde todas as localidades sofreram o impacto do furacão, dizem as autoridades, a ajuda começou a chegar quinta-feira de manhã. Esta ilha está, praticamente, desligada do mundo e algumas aldeias são acessíveis apenas por mar ou helicóptero.