A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Petroleiro iraniano em risco de explosão

Petroleiro iraniano em risco de explosão
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O petroleiro iraniano que colidiu no sábado com um cargueiro de Hong-Kong, ao largo de Xangai, no Mar da China Oriental, continua a arder, pelo que persiste o perigo de explosão e afundamento, segundo um comunicado divulgado na noite de quinta-feira pelo Ministério dos Transportes chinês.

Um porta-voz da companhia petrolífera National Iranian Tanker Company (NITC), que administra a frota de petroleiros do Irão disse que o resgate da tripulação não é prioritário para as autoridades chinesas, mais preocupadas em evitar uma catástrofe ambiental numa importante área de pesca de espécies de grande consumo na China.

Os familiares dos tripulantes do petroleiro pedem ajuda urgente da comunidade internacional. A euronews falou com alguns deles.

O Sanchi, um navio iraniano registado no Panamá, transportava 136 mil toneladas de petróleo condensado. Tinha partido do Irão rumo à Coreia do Sul, com 31 tripulantes. Os 21 membros da tripulação do cargueiro chinês foram todos salvos.