A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Macron lança o "grande debate nacional" na Normandia

Macron lança o "grande debate nacional" na Normandia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Emmanuel Macron lançou o "grande debate nacional" na Normandia frente a 600 presidentes de câmara. O presidente francês espera responder à crise dos "Coletes Amarelos" e acalmar o país e as manifestações. O primeiro encontro em Grand Bourgtheroulde marca o início de dois meses de diálogo nacional.

"Pretendo que a troca de ideias hoje seja uma troca livre. Então, peço realmente que me digam o que vai na vossa mente e no vosso coração e as vossas propostas para o país", disse Macron.

Este foi o primeiro de um conjunto de encontros que Macron pretende levar a cabo em várias regiões do país. O diálogo nacional gira em torno de grandes temas como a transição ecológica, o sistema fiscal, a democracia, a imigração ou o funcionamento do Estado.

"Vou falar consigo do fundo do meu coração, acho que a França está gravemente doente... tão doente que vamos precisar de um médico muito bom para a tratar. Mantinha cadernos de queixas e o resultado foi uma grande miséria", disse Jean-François Lemesle, Presidente da Câmara de Cliponville.

Os protestos dos "coletes amarelos" já duram mais de dois meses. Macron apelou a uma discussão "sem tabus" e pretende recolher opiniões e novas propostas para o país - como disse numa carta aberta aos franceses - e por fim à crise política e social em França.