Última hora
This content is not available in your region

Salvini encerra maior campo de migrantes da Europa

euronews_icons_loading
Salvini encerra maior campo de migrantes da Europa
Tamanho do texto Aa Aa

"Um dia lindo" foi a expressão utilizada pelo vice-primeiro-ministro italiano e ministro do Interior para descrever o dia em que foi à Sicília assistir ao encerramento do maior centro de migrantes da Europa. Matteo Salvini acusou o centro Cara di Mineo de ser a raiz de todos os males: "Passámos das palavras aos atos. Certamente todos se lembrarão de todos os inquéritos abertos pelos magistrados relacionados com o centro de Mineo, desde a máfia nigeriana, tráfico de droga, prostituição, violações e homicídios na Palagónia, que não podem ser esquecidos".

Também esta terça-feira, a guarda costeira italiana resgatou 53 migrantes no Estreito da Sicília e transportou-os para o porto de Pozzallo, mas seis foram levados imediatamente para Lampedusa por razões médicas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.