A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Rali Rota da Seda 2019: principais destaques

Rali Rota da Seda 2019: principais destaques
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A 9ª edição do Rali Rota da Seda, a decorrer de 6 a 16 de Julho de 2019, inclui dez etapas de nivel técnico diverso, com partida da cidade de Irkutsk, na Rússia, perto das margens do lago Baikal, atravessando a região da Mongólia de norte a sul e culminando num mar de dunas, no coração do famoso deserto de Gobi.

Com um percurso total de 5.000kms, a prova termina na cidade de Dunhuang, na China.

A nova categoria da prova

Pela primeira vez na sua história, estrea-se este ano uma nova categoria, de motocicletas, que conta com 24 participantes. O argentino Kevin Benavides (Monster Energy Honda Team), começou com o pé direito, vencendo a primeira etapa, mas têm enfrentado alguns problemas mecânicos e perdeu o caminho na sexta etapa da prova, liderada pelo britânico Sam Sunderland (RED BULL KTM Factory Racing).

O motard português Paulo Gonçalves (HERO MOTOSPORTS Team Rally), que terminou em terceiro na segunda etapa, sofreu uma queda mas recuperou, subindo ao quarto lugar da classificação geral na quinta etapa. Problemas mecânicos na sua moto forçaram-no a parar ontem mas o piloto de Esposende continuará em prova.

A russa Anastasia Nifontova (Husqvarna F450RR) teve um acidente, tendo sido assistida por paramédicos e levada de helicóptero para o hospital.

Joan Barreda (Monster Energy Honda Team) teve um acidente com a sua Honda na quinta etapa, ao tentar ultrapassar o argentino Luciano Benavides (RED BULL KTM Factory Racing). Apesar de grande parte do seu equipamento de navegação ficar destruído, o espanhol conseguiu terminar a etapa, ao fim de três horas.

Nasser Al-Attyiah reina supremo e Yazeed Al-Rajhi abandona

O qatari Nasser Al-Attyiah (Toyota Gazoo) reina supremo em carros, vencendo as seis etapas do rali corridas até ao momento. A sua onda de vitórias coloca-o a uma margem confortável de vantagem na classificação geral.

Naquela que foi a surpresa do dia, o campeão do ano passado Yazeed Al-Rajhi (Overdrive Racing) abandonou a prova depois de uma falha no motor do seu Toyota durante a segunda etapa.

Tudo em aberto em camiões

Em camiões depois do domínio inicial da MAZ por terras da Rússia, a KAMAZ regressou para ganhar a dobrar a quinta etapa, pelas mãos de Andrey Karginov e Anton Shibalov.

Andrey Karginov ficou ontem para trás devido a um problema na roda, mas apesar disso mantém o terceiro lugar na classificação geral, liderada pelo bielorusso Siarhey Viazovich, da MAZ.