EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Congressistas norte-americanas impedidas de entrar em Israel

Congressistas norte-americanas impedidas de entrar em Israel
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As congressistas Ilhan Omar et Rashida Tlaib, Democratas e muçulmanas, foram impedidas de entrar em Israel depois um apelo de Donald Trump a Benjamin Netanyahu.

PUBLICIDADE

Israel proibiu a entrada de duas congressistas norte-americanas no país.

Rashida Tlaib e Ilhan Omar, duas opositoras de Donald Trump e as primeiras mulheres muçulmanas eleitas para o Congresso ficaram impedidas de visitar o território do Estado hebreu. A decisão foi anunciada depois de o presidente dos Estados Unidos ter encorajado o governo israelita a não deixar as políticas aterrar em Telavive, este fim-de-semana, como estava previsto.

No Twitter, Trump acusou as congressistas de "detestar Israel e todo o povo judaico" e afirmou que seria uma demonstração de "grande fraqueza" o executivo de Benjamin Netanyahu deixá-las entrar no país.

("Mostraria grande fraqueza se Israel permitisse a congressista Omar e a congressista Tlaib visitar [o país]. Elas odeiam Israel e todo o povo judaico e não há nada que possa ser dito ou feito para mudarem de ideias. O Minnesota e o Michigan vão ter dificuldades em voltar a elegê-la. São uma desgraça!")

O primeiro-ministro israelita justificou a decisão inédita com as campanhas de boicote económico e cultural contra Israel apoiadas pelas congressistas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Exército israelita mata quatro palestinianos

Israel inicia demolição de prédios em área palestiniana

Ministro israelita da Educação defende "terapia da conversão de gays"