EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Jovens de todo o mundo manifestam-se pelo clima

Jovens de todo o mundo manifestam-se pelo clima
Direitos de autor  REUTERS/Kate Munsch
Direitos de autor  REUTERS/Kate Munsch
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Durante os protestos, que tomaram de assalto as principais artérias de várias capitais mundiais, denunciou-se a inércia dos políticos nacionais e internacionais perante as alterações climáticas

PUBLICIDADE

Em uníssono em nome de um verdadeiro compromisso contra as alterações climáticas, milhões de jovens encheram as ruas de cidades em todo o mundo. Juntaram-se ao protesto massivo, liderado pela ativista ambiental sueca Greta Thunberg. E lembraram os políticos, tal como o rosto da campanha internacional, que não existe planeta B.

"Os olhos do mundo estarão neles. Os políticos têm uma oportunidade de provar que também estão unidos com a ciência. Têm a oportunidade de liderar para mostrar que nos ouvem. Acreditam que nos ouvem? Vamos fazê-los ouvir-nos", apelou a ativista ambiental sueca.

Os manifestantes fizeram-se ouvir nos quatro cantos do mundo na contagem decrescente para a Cimeira Internacional sobre o Clima da ONU.

Foi assim no Brasil, onde a desflorestação da floresta amazónica avança a um ritmo assustador, ou em Reiquiavique, a capital da Islândia, onde é notória uma profunda preocupação com o derretimento dos lençóis de gelo da Gronelândia.

Portugal juntou-se ao movimento global e participa até 27 de setembro na Semana Global pelo Clima.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

ONU aprova plano ambicioso de combate à tuberculose

Zelenskyy diz na ONU que Rússia usa alimentos e crianças como arma

Genocídio de Srebrenica: manifestantes pró-sérvios voltam a protestar contra resolução da ONU