Última hora
This content is not available in your region

Morte nas praias da Noruega

euronews_icons_loading
Morte nas praias da Noruega
Direitos de autor  David Goldman/AP
Tamanho do texto Aa Aa

Nas últimas semanas, pelo menos nove cetáceos mortos deram à costa no norte da Noruega. Trata-se de quatro cachalotes e cinco baleias-jubarte, também conhecidas por corcunda.

Os motivos destas mortes, que podem dever-se a causas a naturais, são desconhecidos e é pouco provável que se chegue a compreendê-los. O país não tem um plano de ação para este tipo de situações que permita a investigação através, por exemplo, da recolha de amostras.

Seria precisa uma rede de voluntários para investigar, ao longo da costa, mas isso ainda não se faz na Noruega porque os custos tornam estas operações pouco atrativas para as autoridades locais.

Kathrine Ryeng, cientista e veterinária, explica que "a baleia é um mensageiro em relação à saúde do mar e ao que acontece no ecossistema". Portanto, a investigação poderia ajudar a compreender também a vida marinha.

Os investigadores locais não acreditam tratar-se de animais já identificados. Se chegarem a conseguir efetuar uma espécie de autópsia isso poderia ajudar a encontrar respostas.