Última hora
This content is not available in your region

Confrontos em frente ao Tribunal Federal de Portland

euronews_icons_loading
Confrontos em frente ao Tribunal Federal de Portland
Direitos de autor  Marcio Jose Sanchez/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Nova noite de tumultos em Portland. Um mar de manifestantes em fúria tentou invadir a sede do tribunal federal. A multidão protestava contra a decisão de um juiz que rejeitou o pedido do Estado de Oregon de proibir a intervenção das forças federais mobilizadas para conter manifestações contra as injustiças raciais.

A polícia acabou por intervir e com recurso a gás lacrimogéneo e bombas de atordoamento, dispersou os manifestantes, onde se incluíam grupos organizados como Antifas, Black Lives Matter, Protesto dos profissionais de saúde, professores contra tiranos e muro das mães.

Durante a dispersão um homem foi esfaqueado, levado para o hospital e um suspeito foi detido.

Os confrontos em Portland inflamam a tensão política no país e levantam o debate sobre os limites da atuação federal numa altura em que Donald Trump mobiliza agentes federais para controlar distúrbios em estados governados por membros do Partido Democrata.