Ataque no Mali mata dois soldados franceses

Ataque no Mali mata dois soldados franceses
Direitos de autor Christophe Petit Tesson/AP
Direitos de autor Christophe Petit Tesson/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os militares foram vítimas de um engenho explosivo, poucas horas depois de um grupo ligado à Al-Qaeda ter reivindicado o ataque de 28 de dezembro, em que morreram três outros militares da mesma operação "antijihadista".

PUBLICIDADE

França sofreu mais duas baixas no Mali. Dois soldados morreram e um outro ficou ferido, este sábado, na sequência de um ataque com um engenho explosivo ao veículo em que circulavam.

As mortes foram confirmadas pela presidência e o governo franceses, que prestaram homenagem aos dois militares e condolências às famílias.

Cinco dias antes, outros três militares da mesma força antijihadista perderam a vida em condições semelhantes.

O ataque de 28 de dezembro tinha sido reivindicado por um grupo ligado à Al-Qaeda. 

Os autores contestam a presença das forças militares francesas no país, bem como as caricaturas do profeta Maomé nos jornais em França e o apoio do presidente Emmanuel Macron em nome da liberdade de expressão.

França deu início à intervenção militar no Mali em janeiro de 2013, para travar a progressão de jihadistas na África Ocidental. 

De acordo com a agência France Presse, foram já mortos na região do Sahel 50 soldados franceses.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

João Gomes Cravinho alerta para a instabilidade no Mali

Militares franceses mortos no Mali

Detido homem que ameaçou fazer-se explodir frente ao consulado do Irão em Paris