EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Civis de regresso a bairro de importante cidade curda na Síria

Civis de regresso a bairro de importante cidade curda na Síria
Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O regresso da população ao bairro de al-Tay acontece depois de ter sido acordado um cessar-fogo entre os combatentes curdos e as tropas leais a Damasco. Um acordo mediado pela Rússia.

PUBLICIDADE

O regresso de civis a um setor da cidade Síria de Qamishli é o reflexo das tréguas entre as forças governamentais e guerrilheiros curdos. Os combates tiveram início há uma semana quando as tropas do governo sírio atacaram um posto de controlo das forças curdas. Várias pessoas morreram ou ficaram feridas, centenas fugiram.

"Já fazia uma semana que as pessoas não tinham um local para ficar, viviam e dormiam nas ruas. Eu fiquei numa mesquita durante dois ou três dias, graças a Deus. Não queríamos que estas coisas acontecessem, ataques e bombardeamentos", explica Muhanad al-Ahmad, estudante.

Qamislhi, junto à fronteira com a Turquia, é a cidade curda mais importante na Síria mas o governo e os aliados têm presença no aeroporto e noutros distritos.

Os curdos são a maior minoria étnica no país e estabeleceram um enclave semiautónomo no norte depois do início da guerra civil em 2011.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Bashar al Assad reeleito para um quarto mandato

Recep Tayyip Erdogan deixa aviso aos curdos

Israel ataca unidade de defesa aérea no sul da Síria com mísseis