UE critica proposta de lei polaca para os media

UE critica proposta de lei polaca para os media
Direitos de autor AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Para Bruxelas, a legislação envia um "sinal negativo" numa altura em que a prioridade é o pluralismo dos meios de comunicação social

PUBLICIDADE

A Comissão Europeia descreveu esta quinta-feira a proposta de lei para os media da Polónia como um ataque à liberdade de imprensa. Na comunicação diária aos jornalistas, o porta-voz da Comissão disse que Bruxelas está a acompanhar de perto a situação. Eric Mamer sublinhou que o processo legislativo da Polónia tem vários passos e esta lei só passou por uma primeira votação na Câmara Baixa do Parlamento.

Antes desta resposta, a vice-presidente executiva da Comissão para os Valores e Transparência foi menos diplomática e disse que o projeto de lei de radiodifusão polaca envia um “sinal negativo”. Na conta do Twitter, Vera Jourova escreveu que as democracias fortes acolhem "O pluralismo dos meios de comunicação social e a diversidade de opiniões”. Para Jourova, é preciso uma lei da liberdade dos media em toda a União Europeia.

A proposta de lei para os media da Polónia impede que entidades não europeias possam ter participações de controlo nas empresas polacas de comunicação social.

Para o porta-voz da diplomacia norte-americana, a liberdade de expressão e os meios de comunicação livres são fundamentais nas relações entre os Estados Unidos e a Polónia. “E é por isso que pedimos à Polónia e ao governo de Varsóvia para demonstrarem os seus compromissos com estes princípios, que são de facto partilhados não só em palavras, mas também em actos”, disse Ned Price.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Lei dos média pode mudar na Polónia e afastar grupo Discovery

Controvérsia na Polónia

Estado de direito na Hungria e Polónia preocupa Bruxelas