Número de reclusos em França bate recorde

AP
AP Direitos de autor AP Photo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Prisões estão lotadas e número de prisioneiros nunca foi tão elevado

PUBLICIDADE

O número de prisioneiros em França bateu um novo recorde. Há 72 mil e 809 pessoas atrás das grades em todo o país. É o número mais elevado de sempre e ultrapassa as vagas disponíveis em mais de 12 mil lugares.

De acordo com as estatísticas de novembro de 2022 do Ministério francês da Justiça, estão, atrás das grades, 72.809 pessoas. São 120% a mais do que as vagas disponíveis, as quais são 60.700. 

À escala europeia, França é dos países com menos prisioneiros em média por cada 100 mil habitantes. Está ao mesmo nível que a Ucrânia ou a Grécia, de acordo com os números do Conselho Europeu. Mas o número de vagas não acompanha o número de reclusos.

Há 56 prisões francesas que ultrapassam largamente a lotação. Três delas têm mais do dobro dos prisioneiros que deviam ter.

Euronews
Número de prisioneiros em média por cada 100 mil habitantesEuronews

Quem menos reclusos tem em proporção é a Finlândia. Os últimos dados apontam para 43 prisioneiros em média por cada 100 mil pessoas.

A contrastar está a Chéquia, com o maior número de reclusos em cada 100 mil habitantes: 192 reclusos. 

Fora da União Europeia, a Turquia e a Rússia encabeçam a lista. Têm mais de 325 prisioneiros por cada 100.000 habitantes. Número

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

41 reclusas morrem em motim numa prisão feminina nas Honduras

Reclusos ajudam bombeiros no combate aos incêndios no Pantanal

Três reclusos baleados em presidío do Rio de Janeiro