EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

França proíbe os cigarros eletrónicos descartáveis muito consumidos pelos jovens

Os cigarros eletrónicos descartáveis apresentam uma enorme variedade de sabores e cores atraentes para os jovens
Os cigarros eletrónicos descartáveis apresentam uma enorme variedade de sabores e cores atraentes para os jovens Direitos de autor Thibault Camus/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Thibault Camus/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A popularidade crescente dos chamados "puffs" entre os adolescentes, devido aos seus sabores picantes ou frutados e desenhos coloridos, está a alarmar os legisladores.

PUBLICIDADE

A Assembleia Nacional francesa aprovou por unanimidade a proibição dos cigarros eletrónicos descartáveis, conhecidos como "puffs".

Com o projeto de lei agora aprovado, os deputados tentam proteger os jovens atraídos pelos diversificados sabores doces.

Os cigarros eletrónicos descartáveis são pequenos dispositivos alimentados por pilhas que libertam nicotina vaporizada com vários aromas, que custam cerca de 10 euros cada. Embora não contenham tabaco, a nicotina é um químico perigoso conhecido pelas suas propriedades viciantes.

Estes "cigarros" diferem dos dispositivos de vaporização reutilizáveis na medida em que não foram concebidos para serem recarregados, o que suscita preocupações em França e noutros países quanto à sua eliminação.

O impacto ambiental destes cigarros eletrónicos é significativo, em grande parte devido às suas pequenas baterias de lítio não recarregáveis, que acabam frequentemente em aterros sanitários.

Vários países manifestam preocupações com estes dispositivos. A agência alimentar norte-americana (AFD) já tinha emitido avisos sobre o uso dos cigarros eletrónicos descartáveis por crianças e, na semana passada, o governo da Austrália também implementou legislação para banir a importação deste tipo de cigarros.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cidade belga recolhe pontas de cigarros para lhes dar uma nova utilidade

Macron aceita demissão do primeiro-ministro Gabriel Attal

Antiga ministra da era Sarkozy é grande surpresa na remodelação governamental de Attal