Qatar diz que recebeu resposta "positiva" do Hamas para acordo para a libertação de reféns

Primeiro-ministro do Qatar esteve reunido com o Secretário de Estado norte-americano Antony Blinken
Primeiro-ministro do Qatar esteve reunido com o Secretário de Estado norte-americano Antony Blinken Direitos de autor Mark Schiefelbein/Copyright 2024 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Primeiro-ministro do Qatar diz que Hamas deu "resposta positiva" a acordo para libertação de reféns, em troca de um cessar-fogo prolongado.

PUBLICIDADE

O primeiro-ministro do Qatar disse na terça-feira que recebeu uma resposta "positiva" do Hamas para um acordo para a libertação de reféns, em troca de uma pausa prolongada dos combates na Faixa de Gaza.

"Recebemos uma resposta do Hamas relativamente ao quadro geral do acordo relativo aos reféns. A resposta inclui alguns comentários, mas em geral é positiva", adiantou Mohammed bin Abdulrahman Al-Thani, numa conferência de imprensa conjunta com o secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, em Doha.

O Qatar, que tem mediado as conversações com o Hamas, tem unido esforços com os Estados Unidos e com o Egito tendo em vista um acordo que para uma pausa prolongada dos combates que possibilite a libertação dos mais de 100 reféns mantidos em cativeiro em Gaza desde os ataques de 7 de outubro.

Blinken, que está pela quinta vez em digressão diplomática pelo Médio Oriente, garantiu que informará as autoridades israelitas da resposta do Hamas, durante a visita a Telavive na quarta-feira.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Netanyahu rejeita proposta do Hamas para cessar-fogo de 135 dias

Israel intensifica ataques no centro e sul de Gaza, Blinken inicia nova digressão pelo Médio Oriente

Israel enviará delegação ao Qatar para conversações de paz. População exige libertação de reféns