Hungria pronta para aprovar a adesão da Suécia à NATO

Hungria vai aprovar adesão da Suécia à NATO
Hungria vai aprovar adesão da Suécia à NATO Direitos de autor AP Photo/Olivier Matthys, File
Direitos de autor AP Photo/Olivier Matthys, File
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A votação final do Parlamento foi agendada para a próxima segunda-feira.

PUBLICIDADE

Numa carta enviada ao presidente do parlamento, o chefe da bancada do Fidesz pediu que a votação fosse agendada para o dia de abertura da sessão da primavera, que começa na segunda-feira.

Máté Kocsis escreveu que o Fidesz, que bloqueou várias vezes uma votação sobre o assunto, vai optar por apoiar a candidatura da Suécia à adesão à aliança militar transatlântica.

No sábado, o primeiro-ministro Viktor Orbán já tinha afirmado, no discurso sobre o Estado da Nação, que estavam "no bom caminho para ratificar a adesão", sublinhando os "passos importantes dados para restabelecer a confiança".

A Hungria é o único membro da NATO que ainda não ratificou a candidatura da Suécia, sendo que a admissão de um novo país na aliança militar exige uma aprovação unânime.

O governo húngaro já adiou a decisão durante mais de 18 meses. Numa mudança histórica da sua política de defesa, a Suécia pediu a adesão à NATO em maio de 2022, pouco mais de dois meses após a invasão da Ucrânia pela Rússia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Submarinos da NATO realizam exercícios de guerra no Mediterrâneo

Novo protesto contra governo de Orbán tem pouca adesão

Orbán compra caças suecos e anuncia estar preparado para dar luz verde à adesão da Suécia à NATO