Volkswagen reduz horas de trabalho a cerca de 28 mil funcionários

Volkswagen reduz horas de trabalho a cerca de 28 mil funcionários
De  Nara Madeira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Continua o conflito entre a Volkswagen e dois fornecedores, filiais da Prevent.

PUBLICIDADE

Continua o conflito entre a Volkswagen e dois fornecedores, filiais da Prevent. O impasse levou a construtora automóvel alemã a suspender parte da sua produção e a reduzir o tempo de trabalho de cerca de 28.000 dos seus trabalhadores, na Alemanha.

As empresas fornecedoras de componentes afirmam que a Volkswagen quebrou vários contratos, sem aviso prévio ou compensação, o que as levou a suspender as entregas.

O grupo alemão recorreu ao tribunal de Brunswick, que lhe deu razão e decretou o recomeço da entrega de peças pelos fornecedores. Mas estes recorreram da decisão e, enquanto aguardam, recusam-se a fazê-lo.

A Volkswagen diz que vai retomar as negociações com os fornecedores mas não descarta qualquer outra possibilidade.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Diretora financeira da Huawei detida no Canadá

Guerra aberta entre Bombardier e Boeing

Ryanair cancela mais voos a partir de novembro