EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Políticas de genéro dividem jovens espanhóis

40% das jovens espanholas com menos de 24 anos afirma-se de esquerda ou de extrema-esquerda
40% das jovens espanholas com menos de 24 anos afirma-se de esquerda ou de extrema-esquerda Direitos de autor euronews
Direitos de autor euronews
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As opiniões políticas de rapazes e raparigas estão cada vez mais distantes.

PUBLICIDADE

Em Espanha, os eleitores mais jovens estão cada vez mais divididos, e a divisão não é apenas ideológica: 40% das mulheres com menos de 24 anos afirma-se de esquerda ou de extrema-esquerda.

Haiby Edith Rivas, da Associação Pão e Rosas, é uma dessas mulheres e explica que “cada vez mais, a extrema-direita ganha popularidade em certos sectores, com um discurso super-reacionário de questionamento dos direitos das mulheres, dos migrantes e da comunidade LGBT".

Enquanto as mulheres jovens estão a optar cada vez mais por opções de esquerda, os seus pares estão mais à direita. Para Diego Yáñez, presidente da conservadora Associação de Estudantes Liberdade sem Raiva, “ a demonização da figura masculina, ou o tratamento dos homens como criminosos, fez com que muitos jovens repensassem as suas posições e optassem por esta opção um pouco mais conservadora”.

Alfredo Ramos, especialista em estudos de masculinidade, afirma que, em Espanha, " estamos a assistir a uma batalha política que está a ter o género como elemento articulador de conflitos que antes podiam ser resolvidos em torno de outras variáveis”.

A luta de género entre os jovens pode ter consequências profundas nas políticas da União Europeia e vem contrariar a perspetiva de um futuro que deve ser partilhado entre homens e mulheres.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Espanha: PP apresenta programa eleitoral para as europeias com piscar de olho ao eleitorado jovem

Porque é que a taxa de desemprego em Espanha está a aumentar e o que está a ser feito para a reduzir?

Espanha: Isabel Díaz Ayuso é a arma do PP para roubar votos ao Vox nas Europeias