EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Istambul sofre vaga de calor. As altas temperaturas aumentam o risco de incêndio

Onda de calor na Turquia
Onda de calor na Turquia Direitos de autor Francisco Seco/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Francisco Seco/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Em Istambul, a maior cidade da Turquia, as pessoas têm estado a suportar temperaturas invulgarmente elevadas devido a uma onda de calor.

PUBLICIDADE

Na sexta-feira, as temperaturas rondaram os 30 graus Celsius, embora a intensidade do calor extremo tenha diminuído. Há dois dias, as autoridades da cidade emitiram um alerta para as temperaturas superiores a 35 graus Celsius.

É o mesmo efeito a que já assistimos noutras zonas da costa mediterrânica durante a última semana, que trouxe calor e tempestades a muitas cidades do sul da Europa.

Além disso, o Centro de Coordenação de Catástrofes alertou para o aumento do risco de incêndios florestais devido às condições de seca e calor.

A situação é preocupante, especialmente tendo em conta que os reservatórios da cidade estão a níveis alarmantemente baixos, com apenas 29,7% da sua capacidade. O aquecimento global, causado pelas emissões de gases com efeito de estufa, está a afetar a disponibilidade de água e a alterar os padrões climáticos.

Espera-se que as trovoadas e as chuvas de sexta-feira à tarde ajudem a aliviar a situação da água, bem como a atenuar as altas temperaturas em Istambul.

A Turquia também registou um máximo histórico de 49,5 °C, e a vaga de calor está a alastrar a outras partes da Europa, incluindo a Grécia, onde Atenas teve de encerrar a Acrópole devido às temperaturas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Grécia encerra Acrópole e escolas devido à primeira onda de calor do ano

Europa de extremos: onda de calor na Turquia, incêndios em Chipre e inundações em Espanha

Onda de calor na Índia causou morte de 33 funcionários eleitorais no sábado