EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Migrantes nigerianos levam Itália a tribunal

Migrantes nigerianos levam Itália a tribunal
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Um grupo de nigerianos sobreviventes a uma travessia marítima apresentou uma queixa contra a Itália, no Tribunal Europeu de Justiça (TEJ), por violação dos Direitos Humanos.

PUBLICIDADE

Um grupo de migrantes nigerianos, sobreviventes de uma travessia marítima, apresenta uma queixa no Tribunal Europeu de Justiça. Uma queixa contra Roma, por violação dos Direitos Humanos, como explica o investigador Charles Heller, da Universidade Goldsmiths de Londres.

"A Itália, com a UE, exerceu controle estratégico e operacional sobre a guarda costeira da Líbia, que tem atuado como seu representante para interceptar os migrantes".

Violeta Moreno-Lax, uma das advogadas que apresentaram a queixa acusa: "Na verdade, esta é apenas uma nova maneira de camuflar a estratégia de lutar contra a migração irregular através do Mediterrâneo central, capturando migrantes, naquilo que o Ministério das Relações Exteriores de Itália classificou como" o inferno da Líbia ".

Os advogados acreditam que se os migrantes ganharem a Itália terá que indemnizá-los e será forçada a abandonar esta política de acordos com os guardas líbios para levar os migrantes de regresso à Líbia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Violência intercomunitária causa dezenas de mortos na Nigéria

"Homem Aranha" do Mali realiza sonho no Eliseu: Veja porquê

Ministro do Interior britânico visita Itália para discutir formas de lidar com a imigração ilegal