EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

O fim da linha para o "Carocha"

O fim da linha para o "Carocha"
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Volkswagen encerrou, no México, a produção do icónico veículo

PUBLICIDADE

O mês de julho de 2019 ficará para sempre na história da Volkswagen e do México. Ao fim de oito décadas, a produção mundial do conhecido "Carocha" terminou definitivamente. O futuro será feito de lembranças sobre o "Fusca", "Escarabajo", "Beetle" ou simplesmente "Carocha", em bom português.

No México, a despedida do icónico modelo da Volkswagen com mil e um nomes fez-se na fábrica de Puebla, ao som de um grupo de música Mariachi. Um momento repleto de emoções fortes, até porque este foi um carro que atravessou alguns dos acontecimentos históricos mais marcantes do século XXI.

Atualmente, a versão do "Carocha" lançada em 1998 era a única ainda em produção em Puebla.

"Foi o primeiro carro próprio dos nossos pais e avós. É por isso que para os mexicanos e para o mundo este carro é sinónimo de mobilidade", sublinhou Steffen Reiche, durante a festa do adeus.

Sai o Carocha e entra o Volkswagen Tarek. A produção do SUV na fábrica de Puebla arranca em 2020.

A última das 5961 unidades do "Beetle Last Edition" irá para um museu onde passará a contar a história. Ao longo das últimas duas décadas, estes modelos só foram produzidos na fábrica mexicana.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Centenas de carros presos na estrada após nevão na Suécia

Liubliana acabou com a circulação automóvel no centro da cidade

Cargueiro que pegou fogo nos Países Baixos rebocado para local seguro