Última hora
This content is not available in your region

Manifestação contra o racismo e a violência policial em Paris

euronews_icons_loading
Manifestação contra o racismo e a violência policial em Paris
Direitos de autor  AP Photo/Thibault Camus
Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de 20 mil pessoas manifestaram-se este sábado, em Paris, contra o racismo e a violência policial. O protesto foi convocado pelo Comité Adama Traoré, jovem negro que morreu sob custódia policial, em 2016, na região parisiense.

"Esta é uma manifestação para denunciar a negação da justiça. Esta é uma manifestação para denunciar a violência policial. Esta é uma manifestação para denunciar a violência social. Esta é uma manifestação para denunciar a violência racial ", disse Assa Traoré, irmã de Adama e fundadora do grupo "La Vérité pour Adama".

Presente no protesto na capital francesa esteve o líder da França Insubmissa, Jean-Luc Mélenchon. "Primeiro, a polícia deve mudar o seu comportamento e a hierarquia deve assumir a sua responsabilidade. E também é necessário que o cidadão comum se reveja na polícia e, para isso, é necessário que ela mude o seu comportamento", defendeu.

Na sexta-feira, a polícia francesa manifestou-se, na capital, contra a proibição de algumas técnicas de detenção e a falta de apoio do Governo.