Covid-19 empurra Polónia para a recessão

Covid-19 empurra Polónia para a recessão
Direitos de autor Czarek Sokolowski/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

FMI estima que economia polaca retroceda 4,6% em 2020

PUBLICIDADE

A pandemia causada pelo novo coronavírus empurrou a Polónia para a uma recessão. A primeira das últimas três décadas.

De acordo com as estimativas do Fundo Monetário Internacional, a economia polaca irá retroceder 4,6% este ano.

Quanto ao desemprego, antes da pandemia, as previsões apontavam para uma taxa na ordem dos 3,8%. Agora, com a Covid-19, prevê-se que no final de 2020 9,9% dos polacos estejam à procura de desemprego.

Patrycja é dona de casa conta que a crise já se reflete nos preços. Há um mês, nos mercados de ruas, conta que conseguia comprar um quilo de maçãs com seis zloty agora o preço subiu para oito.

Arkadiusz licenciou-se há um mês e conta que estima que 70% dos amigos perderam os empregos porque tinha contratos temporários. Agora estão à procura de novos empregos.

Mirek está aposentado e afirma que os amigos estão todos na mesma situação, no entanto, conta que os preços subiram drasticamente. De 2019 para 2020 os preços subiram 4 ou 5 %.

Segundo o FMI, o Governo polaco adotou rapidamente medidas para fazer face à crise provocada pela pandemia.

Para os economistas, a Polónia será um dos países da União Europeia menos afetados pelo impacto da Covid-19 uma vez que, ao contrário de, por exemplo, Espanha, Itália, ou Grécia, a economia não está tão dependente do turismo, um dos setores mais atingidos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Polónia com governo minoritário

Agricultores polacos bloqueiam centenas de passagens na fronteira ucraniana, Kiev ameaça retaliação

Parlamento polaco investiga utilização do software Pegasus