This content is not available in your region

Abramovich "chutado" fora do Chelsea

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Abramovich "chutado" fora do Chelsea
Direitos de autor  Matt Dunham/Copyright 2018 The Associated Press. All rights reserved.

A braços com uma investigação à atribuição da nacionalidade portuguesa, Roman Abramovich viu-se este sábado destituído do cargo de diretor do Chelsea FC, o clube de futebol que comprou em 2003.

A decisão, sem precedentes contra um proprietário de um clube, foi anunciada este sábado pela Premier League inglesa, na sequência das sanções internacionais decretadas contra a milionários russos com ligações a Vladimir Putin.

O Chelsea FC é autorizado a continuar a jogar. O governo britânico já saudou a acção da Premier League contra Abramovich, caracterizando a destituição como fazendo parte da responsabilização "daqueles que permitiram o regime de Putin".

"Estamos abertos a uma venda do clube", revelou ainda o governo de Boris Johnson que tem agora a supervisão do processo de compra que o Grupo Raine, um banco de investimento, tem vindo a trabalhar desde que Abramovich anunciou na semana passada, antes de ser sancionado, que o clube estava à venda.