EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Checos manifestam-se em Praga contra aumento do custo de vida

Manifestação na Chéquia
Manifestação na Chéquia Direitos de autor скриншот из видео AP
Direitos de autor скриншот из видео AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Checos pedem medidas concretas por parte do governo

PUBLICIDADE

Em Praga, centenas de pessoas manifestaram-se, no domingo, 11 de setembro contra o aumento do custo de vida e, em particular, contra a subida dos preços da energia. O aumento dos preços preocupa a Europa, numa altura em que a Rússia decidiu suspender o fornecimento de gás, através do Nord Stream 1, alegando problemas técnicos.

Os checos mostram-se preocupados com a subida dos preços e pedem medidas concretas por parte do governo. Os manifestantes temem um aumento das situações de pobreza, numa altura em que se aproxima o inverno.

No início do mês, cerca de 70 mil pessoas manifestaram-se também em Praga contra o governo e pediram a sua demissão. Os manifestantes acusaram o executivo de dar mais atenção aos problemas da Ucrânia do que aos próprios cidadãos checos. O lema do protesto era "República Checa em primeiro lugar".

De salientar que a República Checa já recebeu perto de 400 mil refugiados ucranianos desde o início da guerra e providenciou ajuda militar e humanitária ao país.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cerco policial levou ao suicídio do atirador de Praga

Incêndio na Chéquia continua por controlar

Incêndio incontrolável na fronteira Chéquia - Alemanha