Festa das Luzes de Lyon em contexto de ameaça terrorista

Festa das Luzes de Lyon
Festa das Luzes de Lyon Direitos de autor OLIVIER CHASSIGNOLE/AFP or licensors
De  LAUREN CHADWICK
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Este ano, o evento cultural mais importante desta cidade francesa espera receber mais de dois milhões de pessoas.

PUBLICIDADE

Lyon recebe um dos eventos mais importantes da cidade. Este ano, para a festa das Luzes, são esperados mais de dois milhões de visitantes

Como sempre, o festival conta com segurança reforçada, e desta vez, acontece pouco depois de França subir para o máximo o nível de alerta antiterrorista.

"É um evento que está a decorrer num contexto de segurança que é um pouco peculiar, com um elevado nível de ameaça terrorista. Como sabem, estamos em Vigipirate Alert Attack [o nível mais elevado de alerta de terrorismo] e, por isso, é evidente que nos incita a estar o mais vigilantes possível", disse Juliette Bossart Trignat, do Departamento do Rhône para a defesa e a segurança.

O festival, que abriu as portas em 1989, foi cancelado em 2015, por causa dos atentados terroristas de Paris, e em 2020, por causa da pandemia.

Para garantir a segurança do evento, foram recrutados quinhentos agentes da polícia nacional e 220 da polícia local, para além de 400 agentes de segurança. Os militares também vão proteger os locais mais movimentados e as pontes sobre os dois rios da cidade.

"A festa das luzes é o único evento que tem sistematicamente em vigor um plano operacional de emergência (ORSEC), pelo que já estamos num nível máximo de mobilização de todas as nossas forças de segurança e de emergência", sublinhou Grégory Doucet, Presidente da Câmara Municipal de Lyon. 

As autoridades locais proibiram uma marcha de extrema-direita planeada para a mesma altura da procissão anual que faz parte da Festa das Luzes. A proibição acontece na sequência dos recentes atos violentos de grupos extremistas no país

A segurança para a Festa das Luzes é máxima desde 2016. O diretor artístico do festival disse à Euronews que espera que o público apareça, com hotéis e restaurantes já reservados. E este ano, o festival estende-se para além do centro e a cidade espera abranger um maior número de pessoas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Paris: Três feridos após ataque com faca em estação de comboio

Paris em segurança máxima na passagem de ano

Estrasburgo, a "capital do Natal", já não consegue receber mais turistas