EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Fabricante de chocolates planeia Nutella vegana

Um empregado de bar em Roma espalha Nutella num crepe
Um empregado de bar em Roma espalha Nutella num crepe Direitos de autor Alberto Pellaschiar/AP2010
Direitos de autor Alberto Pellaschiar/AP2010
De  Simone McCandless
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

A Ferrero está a planear uma versão vegetal da Nutella para as prateleiras dos supermercados italianos. A nova versão não vai conter vestígios de ingredientes de origem animal.

PUBLICIDADE

O gigante do chocolate Ferrero vai lançar uma versão vegana do popular creme de barrar Nutella, que vai estar à venda nos supermercados em Itália no outono.

As origens da Nutella remontam à Segunda Guerra Mundial, quando o cacau era limitado e caro. Assim, os fabricantes de chocolate procuraram novas formas de produzir produtos utilizando outros ingredientes, como as avelãs. O percurso da Nutella começou em 1964 com a venda do primeiro frasco de creme de avelã na região italiana de Piemonte. O icónico logótipo da empresa apareceu no palco mundial no ano seguinte, com as vendas a expandirem-se de Itália para a Alemanha, França e Austrália.

Atualmente, o conhecido creme de chocolate e avelã encontra-se nas prateleiras de todo o mundo. No entanto, as pessoas que optam por uma dieta flexitariana ou sem lactose tiveram de encontrar outras alternativas devido ao aditivo lácteo do produto.

A Ferrero espera que a missão de servir novas tendências alimentares através de um creme à base de plantas traga emoção as famílias.

A notícia da chegada de Nutella Plant-Based surge após um ano de crescimento substancial da produção, com um aumento de 20% nas vendas, correspondendo a 500.000 toneladas.

O CEO do Gruppo VèGè, Giorgio Santambrogio, confirmou o anúncio da Fererro através do LinkedIn, dizendo que a empresa está "orgulhosa de ser o primeiro retalhista a ser informado das inovações da Ferrero".

O que saber sobre a Nutella à base de plantas

A versão recém-lançada do creme de barrar tem como objetivo chegar às casas dos consumidores flexitarianos, que procuram ativamente reduzir os produtos de origem animal nas suas dietas. Estima-se que cerca de 12 milhões de pessoas em Itália se enquadram nesta categoria.

Além disso, o produto destina-se a pessoas intolerantes à lactose, uma vez que a nova receita de Nutella Plant Based utiliza apenas ingredientes de origem vegetal. Enquanto o mais recente produto de Nutella chega ao mercado, a Ferrero garante que o sabor vai manter-se o mesmo.

O nome da marca Nutella Plant Based foi registado em dezembro passado em Itália e na Alemanha. O produto recém-introduzido entra no mercado italiano de produtos à base de plantas, cujo mercado de alternativas veganas vale cerca de 680 milhões de euros e, dentro deste, as alternativas lácteas representam cerca de 310,4 milhões de euros em vendas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Eleições Francesas: vitória da esquerda provoca queda do euro

Elon Musk obtém apoio dos acionistas para um pacote salarial de 52 mil milhões de euros

China já reagiu a decisão de União Europeia sobre tarifas nos carros elétricos