Imagens dos disparos iranianos 'junto' ao porta-aviões dos EUA

Imagens dos disparos iranianos 'junto' ao porta-aviões dos EUA

A marinha norte-americana desclassificou imagens do momento em navios de guerra iranianos disparam mísseis não-guiados a menos de 1400 metros do porta-aviões USS Harry S.Truman no estreito de Ormuz, no dia 26 de dezembro.

O periódico Marine Corps Times afirma que o Comando Central dos Estados Unidos tinha realizado exercícios com munições reais, 20 minutos antes do incidente.

Dirigentes norte-americanos acusaram a Guarda Revolucionária iraniana de ser pouco profissionalismo e de ter tido uma “ação inconsistente com a lei marítima internacional”, ao disparar mísseis, numa proximidade muito grande com outros navios.