EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

União Africana prepara lançamento da zona de comércio livre

União Africana prepara lançamento da zona de comércio livre
Direitos de autor 
De  Neusa Silva
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

123456

PUBLICIDADE

Começou a contagem decrescente para o lançamento oficial da Zona de Livre comércio Africana.

A Gâmbia foi o último país a proceder à ratificação do documento em Abril último, perfazendo as vinte e duas assinaturas exigidas para validar o instrumento jurídico, que vai permitir a criação de um mercado comum em África.

O secretário de estado do ministério das Relações Exterior Angolano, Teté António, anunciou que na próxima cimeira de Niamei, capital do Níger, serão discutidas as questões de regulação, modalidades de implementação do acordo e as concessões tarifárias para o comércio de bens, bem com a isenção de tarifas.

Teté António, referiu que o principal objetivo da Criação de um mercado comum em África, passa pela livre circulação de pessoas, produtos, serviços e investimentos. Pretende-se ainda impulsionar o comércio entre os países africanos.

Angola foi um dos primeiros países a ratificar o documento que aprova a criação da Zona de Comércio Livre Africana e prepara, actualmente, a adesão à da SADC.

A União Africana é a organização internacional que promove a integração entre os países do continente africano. Criada, inicialmente, como Organização da Unidade Africana em 1963, o seu modelo foi baseado no da União Europeia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comércio Livre em África precisa de infraestruturas

Covid-19 domina cimeira da União Africana

Países africanos debatem cultura da paz na Bienal de Luanda