Última hora

no comment

Joanesburgo executa implosão de antiga sede do Banco de Lisboa

Joanesburgo concretizou a implosão da antiga sede do Banco de Lisboa, pertencente ao governo provincial de Gauteng, em plena baixa da capital. O edifício de 23 andares na Sauer Street, que mais recentemente albergava serviços locais do Ministério da Saúde, ruiu como um castelo de cartas, lançando uma nuvem de pó pela área envolvente. Foi o ponto final na sua história, depois de em setembro de 2018 ter sofrido um incêndio que fez três mortos e 13 feridos.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.