Última hora
This content is not available in your region

Discurso anticorrupção vale vitória a Igor Matovič

euronews_icons_loading
Discurso anticorrupção vale vitória a Igor Matovič
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

O futuro da Eslováquia está nas mãos de Igor Matovič. A vitória dos Conservadores nas legislativas marca uma mudança clara de rumo depois de 14 anos nas mãos dos social-democratas. O SMER, que venceu todas as eleições no país desde 2006, não foi além de 18% dos votos.

Para Olga Gyarfasova, analista da Universidade Comenius, a vitória de Matovič explica-se facilmente:

"A sua campanha foi construída em torno da luta contra a corrupção. Penso que a vitória é um sinal que as pessoas estavam fartas do partido no poder."

O SMER nunca recuperou do choque causado pelo assassinato de Ján Kuciak, jornalista que se encontrava a investigar a corrupção entre a classe política do país. A indignação gerada foi aproveitada da melhor forma por Matovič.

László Öllös, analista político do Forum Institute, refere que "a comunicação do partido durante a campanha foi muito boa. Já a extrema-direita cometeu um grande erro ao votar a o lado do governo um par de vezes no parlamento, o que levou alguns dos seus apoiantes a preferir uma força assumidamente antigovernamental."

O parlamento eslovaco está agora mais fragmentado que nunca, com seis partidos representados. Matovič está dependente de coligações, para já apenas rejeitou unir-se ao antigo partido do governo e à extrema-direita.

Após o anúncio dos resultados, Matovič declarou que iria tentar formar o melhor governo que o país alguma vez teve. Seja qual for o cenário político que lhe permita formar um executivo estável, a verdade é que a Eslováquia mudou de página e virou à direita.

A grande questão é saber como é que o governo irá cumprir a grande promessa efetuada durante a campanha e que medidas irá tomar para combater a corrupção."