Contingente militar dos EUA chega à Roménia para reforçar missão da NATO

Contingente militar dos EUA chega à Roménia para reforçar missão da NATO
Direitos de autor Andreea Alexandru/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved.
Direitos de autor Andreea Alexandru/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved.
De  Claudiu Popa & Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Mil soldados e tanques blindados vão reforçar a base norte-americana na cidade romena de Constança, numa altura em que a Rússia realiza manobras militares no Mar Negro.

PUBLICIDADE

Sob a ameaça de uma guerra iminente, os Estados Unidos da América enviaram mil soldados e veículos blindados para Constança na Roménia. O contingente vai reforçar as tropas da NATO no Mar Negro, onde a Rússia deu início a manobras militares.

Tanques blindados, com uma potência de 350 cavalos e a atingir facilmente os 100 quilómetros por hora, chegaram à Roménia, quarta-feira à noite, pela fronteira ocidental. A travessia pelo país tem como destino a base americana em Constança, na costa do Mar Negro, onde já estão centenas de soldados norte-americanos e outros tantos são aguardados.

No local é ainda esperada, esta sexta-feira, uma visita do o secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, e do presidente romeno, Klaus Iohannis.

Membro da Aliança Atlântica desde 2004, a Roménia partilha mais de 600 quilómetros de fronteira com a Ucrânia, no norte do país. É também em território romeno que está parte do sistema antimíssil norte-americano para proteger os países da NATO, que a Rússia considera uma ameaça.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tropas posicionam-se à volta da Ucrânia

"Se não ganharmos esta guerra, a Ucrânia será destruída"

Festival das Tulipas na Roménia, uma tradição com mais de meio século