Morreu cidadão lituano detido na Bielorrússia

Homem foi detido na fronteira entre os dois países
Homem foi detido na fronteira entre os dois países Direitos de autor EBU
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O homem, cujo nome não foi especificado, foi detido na fronteira entre os dois países e estava numa prisão bielorrussas, sem que as autoridades lituanas ou a família tivessem qualquer notícia dele.

PUBLICIDADE

Um cidadão lituano detido no final de dezembro na fronteira entre a Lituânia e a Bielorrússia morreu numa prisão bielorrussa. As autoridades lituanas só tiveram conhecimento da morte após repetidas tentativas de contacto com o detido.

A embaixadora lituana em Minsk, Asta Andrijauskiene, explica: "Foram feitos muitos pedidos, foram escritas muitas cartas, foram feitos muitos apelos para uma reunião. Não nos foi concedida, pelo que escrevemos outra nota. Em resposta a esta nota, recebemos um telefonema das instituições bielorrussas a dizer que não é possível organizar uma reunião, porque o cidadão lituano está morto."

Surpreendidas e indignadas com a morte do homem, cuja idade e nome não foram revelados, as autoridades lituanas estão a exigir explicações a Minsk.

"Recebemos hoje uma nota do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Bielorrússia, confirmando o facto e a data da morte do cidadão lituano, mas não recebemos quaisquer outras informações. Por conseguinte, solicitámos novamente informações completas sobre as circunstâncias deste acontecimento, a causa da morte, por que razão ocorreu, se foi prestada assistência médica e por que razão o cônsul não foi autorizado a encontrar-se com o cidadão lituano", disse a embaixadora.

Segundo a diplomata, "muitos cidadãos lituanos são detidos na Bielorrússia" por diferentes razões. Na maioria dos casos, as autoridades são informadas por pessoas que perderam o rasto de familiares que partiram para a Bielorrússia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Lituânia fecha mais pontos de fronteira com a Bielorrússia, restam apenas dois

Eleições na Bielorrússia com taxa de participação de 73%

Polónia quer acelerar reforço da segurança na fronteira com a Bielorrússia