Última hora
This content is not available in your region

Autoridades de Hong Kong fecham quarteirão devido a surto de Covid-19

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira
euronews_icons_loading
Autoridades de Hong Kong fecham quarteirão devido a surto de Covid-19
Direitos de autor  AP
Tamanho do texto Aa Aa

Um quarteirão de Hong Kong foi completamente confinado, depois de descoberto um surto de Covid-19. A zona, que inclui 16 edifícios, foi fechada e os residentes impedidos de sair de casa até terem sido testados. O território, província autónoma chinesa com estatuto especial, não voltou a ter medidas especiais desde o confinamento de há um ano, mas o número de casos tem vindo a subir, com mais de quatro mil infeções registadas nos últimos dois meses. O ministro do Interior de Hong Kong especifica que esta é uma medida temporária: "Estamos empenhados em resolver este assunto em 48 horas. O nosso objetivo é lutar contra o vírus em conjunto, chegar aos zero casos nesta zona específica. O governo assegurou equipamentos de teste em número suficiente para poder testar toda a gente o mais rapidamente possível", disse Caspar Tsui.

O quarteirão fica no bairro de Yau Tsim Mong, uma zona pobre, com edifícios antigos, em que os apartamentos estão, em muitos casos, subdivididos ou albergam várias famílias. Esta área da cidade representa cerca de metade das infeções por Covid-19 registadas na última semana. Hong Kong teve, até agora, um total de cerca de 10 mil infeções e 168 mortes devido à pandemia.